Late Victorian Holocaust

O problema do misticismo em música é que ele quase sempre soa — melhor dizendo: se torna — gnóstico, tentando entender as coisas do além da música com ferramentas do pensamento humano. É um esforço grandioso, às vezes, que não passa de uma tentativa fracassada de ser mais que a música em si. Às vezes música é somente música mesmo. E fica tudo bem assim.

“Late Victiorian Holocaust” é um pequeno retrato desta visão de mundo, em que Marianne tenta dar um grande significado — com pompa e tudo mais que envolve a canção — dando peso a um determinado acontecimento.

No final das contas, a dramatização não nos leva a lugar algum. Talvez por ser profundamente didático. Talvez por ser demasiadamente forçado.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s